quarta-feira, 6 de julho de 2011

“Como ser um bom namorado” parte 2 (resolvendo problemas)

“Como ser um bom namorado” parte 2
(resolvendo problemas)
 Londrina, 25 de março de 2011
Te vejo triste ao ir trabalhar
Não consigo adivinhar o que te faz mal
Apenas sei que não é algo normal
E junto ao seu, meu coração começar a apertar

Afinal isso não passa de efeito colateral
Ficar triste, se ela está triste, é automático
Do mesmo jeito que, sem ela, viro um lunático
Sou seu namorado e te quero feliz

Estou aberto caso queira contar o que há
Se não quiser, ficarei triste, mas entenderei
Pois antes de namorado sou seu amigo
E depois de amigo, mais tarde te direi

Sorrindo, você me conta o que aconteceu
E me pergunta o que tu deves fazer
Eu, no meu entender de namorado, não sei responder
Mas te garanto que ao seu lado eu estarei!

Mesmo que você perca um emprego, a casa, o carro
Quebre uma unha, machuque uma perna
Ou simplesmente entre em T. P.M., saiba que
Com você, fofa linda, minha emoção estará eterna!
Helder Henrique do N. Peres ^_^